VÔLEI | Vôlei Ribeirão segue na décima posição após jogo em Maringá

03/02/2019

Cavalo tinha a possibilidade de ultrapassar o Corinthians/Guarulhos neste sábado (02), mas derrota por 3 a 1 para o Maringá Vôlei, no Paraná, mantém equipe com 11 pontos na Superliga

O São Francisco Saúde/Vôlei Ribeirão (Secretaria de Esportes) voltará para Ribeirão Preto, após uma semana desgastante com duas viagens, mantendo-se na décima colocação da Superliga Cimed 2018/19. O Cavalo enfrentou o Maringá Vôlei na noite deste sábado (02), no Ginásio Chico Neto, em Maringá, e sofreu revés de 3 sets a 1 (27/29, 25/22, 21/25 e 23/25).

O Vôlei Ribeirão entrou em quadra com chances de ultrapassar o Corinthians/Guarulhos, que mais cedo perdeu para o Sesi-SP por 3 a 0, em casa. Mas com o resultado o Vôlei Ribeirão manteve-se em décimo lugar com 11 pontos contra 13 do Corinthians e oito do Caramuru-PR, o 11º colocado - perdeu para o Cruzeiro por 3 a 0.

No próximo sábado, dia 9, a equipe volta a jogar em casa ao receber justamente o Caramuru Vôlei. A partida será às 17h na Cava do Bosque. Depois, na sequência, visitará o Corinthians/Guarulhos e receberá o Campinas.

No Ginásio Chico Neto o Vôlei Ribeirão entrou com uma postura tática diferente, com o técnico Marcos Pacheco utilizando o ponteiro Alisson Melo como oposto. O Cavalo fez um bom primeiro set, forçou a "vai a dois", mas viu o adversário fechar em 29 a 27 em uma disputa acirrada de 34 minutos.

O segundo set foi ainda mais positivo para o Vôlei Ribeirão. O time perdia o jogo, mas em uma sequência de saques de Alisson Melo virou a partida e assegurou o 25 a 22 empatando a partida. Maringá aproveitou as oportunidades e fez 25 a 21 no terceiro set e 25 a 23 no quarto.

"Foi um jogo difícil, e a gente sabia que seria assim. Viemos preparados, tivemos chances no primeiro set mas os erros de ataque atrapalharam. No segundo set vencemos jogando bem. Nosso sistema defensivo foi muito bom, mas pecamos um pouquinho no ataque depois. Eles sacaram bem, tiveram aproveitamento bom de ataque para vencer o jogo", comentou o auxiliar técnico Henrique Modenesi. Petrus somou mais sete bloqueios e continua liderando a estatística do campeonato. Alisson Melo, o maior pontuador do jogo, contribuiu com 21 pontos para o Vôlei Ribeirão.

O Vôlei Ribeirão é um projeto de iniciativa da Prefeitura de Ribeirão Preto, por meio do Fundo Social de Solidariedade e Secretaria Municipal de Esportes, e conta com patrocínios da São Francisco Saúde, Sicoob, MRV Engenharia e Arteluz, e apoio da Fórmula Academia, Clínica Collucci, Muraca Sports, Salute Restaurante e Pizzaria e FollowX Comunicação. Além do lado esportivo, a equipe tem caráter social. O projeto consiste ainda em inclusão social por meio do esporte.

VÔLEI RIBEIRÃO NA SUPERLIGA 2018/19 | 2º TURNO
12/01 (SAB) 18h00 Sesi-SP 3 x 0 Vôlei Ribeirão
19/01 (SAB) 17h00 Vôlei Ribeirão 0 x 3 Cruzeiro-MG
30/01 (QUA) 20h00 Vôlei Itapetininga 3 x 1 Vôlei Ribeirão
02/02 (SAB) 19h00 Maringá Vôlei-PR 3 x 1 Vôlei Ribeirão
09/02 (SAB) 17h00 Vôlei Ribeirão x Caramuru Vôlei-PR
15/02 (SEX) 19h00 Corinthians x Vôlei Ribeirão
20/02 (QUA) 20h00 Vôlei Ribeirão x Campinas
23/02 (SAB) 11h00 São Judas Voleibol x Vôlei Ribeirão
09/03 (SAB) 18h30 Taubaté x Vôlei Ribeirão
13/03 (QUA) 19h00 Vôlei Ribeirão x Minas-MG
16/03 (SAB) 17h00 Vôlei Ribeirão x Sesc-RJ*
*O horário será definido posteriormente

Texto: Rafael Gonçalves
Foto: Rafael Gonçalves /FollowX Comunicação